Governo constrói rodovia entre Frei Paulo e Povoado Serra Redonda.

Com investimentos de R$ 5.903.424,82 oriundos do Proinveste, a obra consiste na implantação de 4,47 km de rodovia que atende ao padrão estabelecido nas novas estradas estaduais

Atendendo a um pleito antigo de centenas de moradores da sede municipal e dos povoados vizinhos, o governo de Sergipe está construindo a rodovia entre a cidade de Frei Paulo e o povoado Serra Redonda, a 74 km de Aracaju.

Com investimentos de R$ 5.903.424,82 oriundos do Programa de Apoio ao Investimento dos Estados (Proinveste), a obra consiste na implantação de 4,47 km de rodovia que atende ao padrão estabelecido nas novas estradas estaduais São 9 metros de largura, sendo seis de pista de rolamento e três de acostamento, sistema de drenagem pluvial e sinalização horizontal e vertical.

Os serviços

De acordo com o secretário Estadual da Infraestrutura, Valmor Barbosa, o andamento dos serviços é satisfatório. “Já pavimentamos o acesso à estrada às margens da BR 235, aplicamos a camada de asfalto da parte inicial da futura rodovia onde existia a pavimentação em paralelepípedo até um trecho após a serra, totalizando 3 Km, bem comofinalizamos a sub-base dos quilômetros restantes”, explica.

Ele acrescenta que apesar das chuvas ocorridas no final do mês de novembro ter estragado alguns serviços concluídos, a obra segue o cronograma. “Contamos com 28 profissionais em duas frentes de trabalho que no momento estão laceando a camada de base do trecho restante da rodovia, implantando os bueiros celulares e executando os serviços de drenagem. Uma vez executados esses trabalhos, finalizaremos a pavimentação e por fim aplicaremos a última camada de asfalto”, detalha.

Transformação

Mesmo residindo na sede municipal, José Soares Lima utiliza a estrada diariamente e diz que a obra é a melhor coisa que podia ter acontecido para a população. “Moro na cidade, mas, todos os dias passo por aqui para ir até o meu terreno e posso garantir que mesmo antes de ficar pronta, a obra merece nota 10. Em tempos de chuva era muito difícil passar por aqui, a gente perdia muito tempo por conta do atoleiro. Todo mundo já está satisfeito com essa rodovia”, afirma o aposentado de 77 anos.

Morador do povoado Serra Redonda, o agricultor Josival Barbosa Almeida, 41 anos, declara que a rodovia é um dos maiores benefícios que o município já recebeu. “A estrada era totalmente desnivelada e muito estreita, o trecho nas proximidades da serra era muito íngreme e, nos períodos chuvosos,transitar se tornava ainda mais difícil,sem contar que o número de acidentes chegava a triplicar. Na época da safra a quantidade de caminhões que passam por aqui é enorme, além disso, o tráfego de carros pipas é intenso e isso contribui bastante para danificar ainda mais a estrada. A satisfação dos moradores e de quem trafega por aqui é imensa, já temos a noção de como ela vai ficar, sem contar que o percurso do povoado até a cidade vai ficar em torno de cinco minutos, a segurança no trânsito vai melhorar 100% e não precisaremos fazer manutenção dos veículos automotores com tanta regularidade”, frisa.

Também morador do povoado, o vigilante Fernando Santos endossa as declarações do conterrâneo. “Trabalho em Ribeirópolis, mas todos os dias levo minha esposa até Frei Paulo e posso garantir que o trajeto era terrível: muita lama ou muita poeira a depender da estação do ano, sendo que quase sempre chegávamos sujos, sem contar que minha moto vivia quebrando, a estrada era estreita e em alguns trechos perigosa, principalmente para os alunos que se locomovem nos ônibus escolares. Agora já está diferente e a satisfação é geral, principalmente com a certeza de que os gastos com a manutenção dos veículos diminuirão drasticamente e também com a esperança de que com uma nova rodovia, as chances de uma ligação futura com a cidade de Ribeirópolis se tornam maiores”, enfatiza.

Segundo Valmor Barbosa, a rodovia é um importante investimento para o Território Agreste Central. “Além de beneficiar os moradores da sede municipal e do Povoado Serra Redonda, a nova rodovia facilitará a mobilidade de centenas de pessoas que por ela trafegam diariamente, já que a mesma serve de atalho para o Povoado Alagadiço, bem como para os povoados Ranchinho em Ribeirópolis, Oiteiro da Flor em Itabaiana e Cruz das Graças em Nossa Senhora Aparecida, encurtando assim a distância entre algumas regiões e até as sedes dos municípios vizinhos, sem contar nas melhorias que serão proporcionadas ao tráfego de cargas durante o período de safra, bem como no surgimento de novas opções de transporte para os povoados circunvizinhos, o que reforça o compromisso do Governo Estadual em cada vez mais contribuir para o desenvolvimento econômico-social dos sergipanos”, conclui.

 

FONTE: ASN